Vasco da Gama: campeão invicto da Copa do Brasil de Futebol Masculino 2020 (categoria Sub 20)

O Vasco da Gama é o campeão da Copa do Brasil de Futebol Masculino 2020, na categoria Sub 20. O time treinado por Diogo Siston venceu a competição de forma invicta, com 6 vitórias e 3 empates. Na final diante do Bahia, o Gigante da Colina venceu a partida de ida por 1 a 0 em Salvador (BA) e empatou por 3 a 3 o jogo da volta, disputado em São Januário (RJ), que deu o título inédito ao Cruzmaltino.

Vasco: o melhor ataque do Campeonato Brasileiro em 5 edições da competição

Nas edições do Campeonato Brasileiro de 1978, 1981, 1984, 1989, 1997, a equipe do Vasco da Gama teve o melhor ataque da competição. Foram 61 gols feitos na edição de 1978 (em 30 jogos) e 41 gols em 19 partidas no Brasileirão de 1981; No Brasileiro de 1984, o time balançou as redes adversárias 51 vezes em 26 jogos. Em 1989, no bicampeonato nacional do Vasco, foram 27 gols em 19 partidas. Já em 1997, no tricampeonato nacional do Gigante da Colina, foram 69 gols em 33 jogos.

Maiores goleadores do Vasco no Maracanã

1 – Roberto Dinamite: 193 gols,

2 – Romário/Pinga: 70 gols cada,

4 – Ademir de Menezes/Sabará: 44 gols cada,

6 – Vavá: 42 gols,

7 – Célio Taveira: 40 gols,

8 – Valdir Bigode: 35 gols,

9 – Ney de Oliveira: 32 gols,

10 – Dé Aranha: 29 gols,

11 – Ipojucan: 28 gols,

12 – Edmundo/Almir Pernambuquinho/Walfrido: 25 gols,

15 – Silva Batuta: 22 gols,

16 – Paulinho (Paulo Luiz Massariol)/Maneca: 21 gols cada,

18 – Buglê: 20 gols,

19 – Delém: 19 gols,

20 – Alvinho: 18 gols

O último título da “tríplice coroa” do Estadual do Rio de Janeiro conquistado pelo Vasco

Em 2003, com uma equipe recheada de craques, como Marcelinho Carioca, Petkovic, Léo Lima e Souza (os dois últimos oriundos da base do Vasco), o Gigante da Colina conquistou as três taças possíveis do Estadual de Futebol Masculino Profissional do Rio de Janeiro: Taça Guanabara, Taça Rio e a Taça do Campeonato Carioca (a tríplice coroa do Estadual do Rio de Janeiro). No ano de 2019, o Vasco chegou bem perto de outra tríplice coroa, ao conquistar a Taça Guanabara e estar conquistando também a Taça Rio, até o final do segundo tempo da decisão daquele turno, quando levou um gol que levou a decisão para os pênaltis, em que saiu derrotado. Se houvesse vencido aquela Taça Rio teria conquistado, de forma direta, o Campeonato Carioca e a história daquele estadual de 2019 seria diferente, com mais uma tríplice coroa para o Gigante da Colina.

Jogos entre o Vasco e equipes da Europa (década de 1970)

18/02/1970: Vasco 0 x 2 Seleção da Romênia (Torneio Internacional de Verão do Rio)

24/01/1971: Vasco 0 x 2 Dínamo Bucareste (Romênia) (Amistoso)

27/01/1971: Vasco 1 x 1 Sporting (Portugal) (Amistoso)

31/01/1971: Vasco 1 x 1 Vojvodina (Iugoslávia) (Amistoso)

03/02/1971: Vasco 3 x 1 CSKA (Bulgária) (Amistoso)

07/02/1971: Vasco 1 x 2 Sparta Praga (Tchecoslováquia) (Amistoso)

11/02/1971: Vasco 2 x 1 Sparta Praga (Tchecoslováquia)

13/02/1971 Vasco 0 x 0 Rapid Bucareste (Romênia) (Amistoso)

10/11/1971: Vasco 0 x 1 Porto (Portugal) (Amistoso)

18/01/1972: Vasco 0 x 2 Benfica (Portugal) (Torneio Internacional de Verão do Rio)

23/01/1972: Vasco 2 x 0 Steaua Bucareste (Romênia) (Amistoso)

22/08/1972: Vasco 0 x 3 Borussia Monchengladbach (Alemanha) (Troféu Joan Gamper)

23/08/1972: Vasco 0 x 0 Barcelona (Espanha) (Troféu Joan Gamper)

30/08/1974: Vasco 1 x 0 Sporting (Portugal) (Amistoso)

25/06/1975: Vasco 2 x 2 Porto (Portugal) (Amistoso)

08/07/1975: Vasco 1 x 0 Juventus (Itália) (Amistoso)

11/06/1977: Vasco 1 x 1 Porto (Portugal) (Amistoso)

21/06/1977: Vasco 1 x 1 Anderlecht (Bélgica) (Torneio Internacional de Paris)

23/06/1977: Vasco 1 x 2 Paris Saint Germain (França) (Torneio Internacional de Paris)

27/08/1977: Vasco 0 x 3 Atlético de Madrid (Espanha) (Troféu Ramon de Carranza)

28/08/1977: Vasco 5 x 3 Cádiz (Espanha) (Troféu Ramon de Carranza)

30/08/1977: Vasco 1 x 2 Sporting (Portugal) (Amistoso)

11/08/1979: Vasco 3 x 2 Perugia (Itália) (Amistoso)

14/08/1979: Vasco 0 x 0 Paris Saint Germain (França) (Amistoso)

17/08/1979: Vasco 3 x 0 Honvéd (Hungria) (Troféu Cidade de Palma)

18/08/1979: Vasco 0 x 0 Barcelona (Espanha) (Troféu Cidade de Palma)

22/08/1979: Vasco 3 x 1 Sevilha (Espanha) (Troféu Cidade de Sevilha)

24/08/1979: Vasco 2 x 2 Real Bétis (Espanha) (Troféu Cidade de Sevilha)

25/08/1979: Vasco 2 x 1 Elche (Espanha) (Troféu Festa de Elche)

(Na década de 1970, foram 29 jogos entre o Vasco e equipes da Europa, com 10 vitórias do Gigante da Colina, 10 empates e 9 derrotas)

“Vasqualidade”

“Vasqualidade”, significa a qualidade de ser vascaíno. Ser vascaíno é um motivo de satisfação e felicidade. A qualidade de ser vascaíno é amar o clube em todos os momentos, é um sentimento compartilhado de geração em geração.