Grandes goleadores do Clássico dos Milhões (Vasco x Flamengo), dentre eles o quarteto mais famoso da história do Vasco: Roberto Dinamite, Romário, Edmundo e Bebeto (juntos somam 58 gols contra o Flamengo).

O quarteto Roberto Dinamite, Romário, Edmundo e Bebeto nunca estiveram juntos ao mesmo tempo no Vasco, mas por diversos momentos formaram trios ou duplas arrasadoras.

Trio:

Roberto Dinamite, Edmundo e Bebeto

Duplas:

Roberto Dinamite e Edmundo

Romário e Roberto Dinamite

Romário e Edmundo

Romário e Bebeto

Goleadores do Clássico dos Milhões

Roberto Dinamite: 27 gols pelo Gigante da Colina, sendo o maior artilheiro do Vasco no clássico e também o maior artilheiro do clássico (Campeão Brasileiro pelo Vasco em 1974 e grande goleador, principalmente nos anos 1970/1980)

Zico: 19 gols (todos os gols pelo Flamengo, o maior artilheiro do Flamengo no clássico, mas o jogador atuou em sua carreira também pelo Vasco, no ano de 1993, em uma partida amistosa, na despedida de Roberto Dinamite dos gramados, no Maracanã, contra a equipe do La Coruna-ESP)

Romário: 19 gols (14 pelo Vasco e 5 pelo Flamengo, foi Campeão Brasileiro de 2000 pelo Vasco, grande goleador do final dos anos 1980 à metade da década de 2000. Entre os maiores artilheiros do clássico, é o que fez mais gols, entre os jogadores que disputaram partidas oficiais e que também fizeram gols no clássico, pelos dois clubes, com 19 gols)

Ademir de Menezes: 18 gols (do Expresso da Vitória, grande esquadrão vascaíno das décadas de 1940/1950)

Russinho: 14 gols (jogador das décadas de 1920/1930, primeiro jogador do Vasco artilheiro do Campeonato Carioca)

Edmundo: 14 gols, todos pelo Vasco (Campeão Brasileiro pelo Vasco em 1997), também jogou no Flamengo. Dos que jogaram pelo Vasco e pelo Flamengo, é o atacante que mais fez gols com a camisa do Vasco no clássico.

Chico: 11 gols (do Expresso da Vitória, décadas 1940/1950), também jogou no Flamengo.

Maneca: 10 gols (do Expresso da Vitória, décadas 1940/1950)

Célio Taveira: 10 gols (o maior goleador do Vasco na década de 1960)

Isaías: 8 gols (do Expresso da Vitória, das décadas de 1940/1950)

Valdir: 8 gols (da Selevasco da década de 1990)

Bebeto: 6 gols (3 pelo Vasco, 3 pelo Flamengo, Campeão Brasileiro pelo Vasco em 1989)

Vágner Love: 5 gols (todos pelo Flamengo), jogador chegou a jogar na base do Vasco.

Jean: 4 gols (3 pelo Flamengo, 1 pelo Vasco)

Petkovic: 4 gols (1 pelo Vasco, 3 pelo Flamengo)

Ramon: 3 gols (todos pelo Vasco)

Alecsandro: 3 gols (1 gol pelo Vasco e 2 pelo Flamengo)

Obina: 3 gols (todos pelo Flamengo)

Felipe: 3 gols (2 pelo Vasco e 1 pelo Flamengo)

Leandro Amaral: 3 gols (todos pelo Vasco)

Edilson: 3 gols (todos pelo Flamengo), chegou a jogar no Vasco.

Quarteto vascaíno Roberto Dinamite/Romário/Edmundo/Bebeto: juntos fizeram 58 gols com a camisa do Vasco, no clássico com o Flamengo, 27 gols de Roberto Dinamite, 14 gols de Romário, 14 gols de Edmundo e 3 gols de Bebeto.

Abaixo, a lista dos maiores goleadores do Clássico Vasco x Flamengo em Campeonatos Brasileiros, com Edmundo na liderança:

Edmundo: 8 gols (todos pelo Vasco)

Roberto Dinamite: 7 gols (todos os gols pelo Vasco)

Zico: 5 gols (todos os gols pelo Flamengo)

Bebeto: 4 gols (2 gols pelo Vasco, 2 gols pelo Flamengo)

Romário: 4 gols (2 gols pelo Vasco, 2 gols pelo Flamengo)

Ramon: 3 gols (3 gols pelo Vasco)

Petkovic: 3 gols (1 gol pelo Vasco, 2 gols pelo Flamengo)