As conquistas/taças do futebol (masculino e feminino) profissional do Vasco e as principais conquistas da categoria juvenil

Futebol masculino

Conquistas internacionais na Europa: (21 conquistas/taças)

Taça Myrurgia (Espanha): 1931;

Taça Centenários: 1947 (Vasco 4 x 3 Combinado de Lisboa B.S.B – Benfica/Sporting/Belenenses, em 15/06/1947, tendo sido conquistadas mais outras cinco taças na excursão vascaína à Europa, no ano de 1947, que foram objeto de uma exposição à época, bem como os 8 troféus conquistados no título do Sulamericano do Chile do ano seguinte, em 1948);

Torneio de Paris: 1957 (status de Mundial de Clubes à época);

Troféu Teresa Herrera (Espanha): 1957;

Torneio Cidade de Sevilha (Espanha): 1979;

Troféu Festa de Elche/Festa d’Elx (Espanha): 1979;

Troféu Colombino (Espanha): 1980;

Torneio Ilha de Funchal (Portugal): 1981;

Troféu Ramon de Carranza (Espanha): 1987, 1988, 1989;

Torneio de Lorena/Torneio de Metz (França): 1989;

Torneio Cidade de Zaragoza (Espanha): 1993;

Torneio Cidade de Barcelona (Espanha): 1993;

Troféu Cidade de Palma de Mallorca (Espanha): 1995;

Troféu Bortolotti/Torneio de Bérgamo (Itália): 1997.

Conquistas internacionais na América: (22 conquistas/taças)

Torneio Luiz Aranha (Brasil): 1940;

Campeonato Sulamericano de Clubes Campeões (Chile): 1948 (8 taças, troféu “Parque Rosedal Tortillero”, troféu “Estabelecimientos Oriente”, troféu “Malteria Continental”, troféu “Musalem Hermanos”, troféu ” Café Casa do Brasil – La Doma”, troféu “Presidente Juan Perón”, troféu ” Band e Salas” e o troféu do título do campeonato, “Taça América del Sur “);

Quadrangular Internacional do Rio (Brasil): 1953;

Octogonal Rivadávia Corrêa Meyer (Brasil): 1953;

Torneio Internacional de Santiago (Chile): 1953;

Troféu do cinquentenário do Racing (Argentina): 1953;

Torneio Triangular Internacional do Chile (Chile): 1957;

Torneio de Lima (Peru): 1957;

Pentagonal do México (México): 1963;

Torneio IV Centenário do Rio de Janeiro (Brasil): 1965;

Torneio de Verão do Uruguai (Uruguai): 1982;

Copa de Ouro (Estados Unidos): 1987;

Copa TAP (Estados Unidos): 1987;

Copa Libertadores da América: 1998;

Copa Mercosul: 2000.

Conquistas internacionais na África: (1 conquista/taça)

Torneio da Amizade (Gabão): 1991.

Conquistas internacionais na Ásia: —

Conquistas internacionais na Oceania: —

Conquistas Nacionais: (6 conquistas/taças)

Brasileirão: 1974, 1989, 1997, 2000;

Brasileiro Série B: 2009;

Copa do Brasil: 2011.

Conquistas interestaduais (18 conquistas/taças):

Taça Barão de Cuprtin (SP): 1925

Taça Alberto Baccarat (SP): 1928;

Taça dos Campeões Estaduais RJ/SP: 1936;

Torneio Rio São Paulo (RJ/SP): 1958;

Troféu Mãe Pátria (SP): 1962;

Torneio Francisco Vasques/Cidade de Belém (PA): 1964;

Torneio Cinquentenário da Federação Pernambucana (PE): 1965;

Torneio Rio São Paulo (RJ/SP): 1966;

Torneio Quadrangular Heleno Nunes (RJ/ES): 1976;

Torneio Imprensa de Santa Catarina (SC): 1977;

Torneio José Fernandes (AM): 1980;

Torneio João Havelange (MG): 1981;

Torneio João Castelo (MA): 1982;

Torneio Cidade de Juiz de Fora (MG): 1986, 1987;

Torneio João Havelange (SP): 1993;

Torneio Rio São Paulo (RJ/SP): 1999;

Copa da Hora (SC): 2010.

Conquistas Estaduais (114 conquistas/taças):

Carioca da Segunda divisão/segundos quadros (1 conquista): 1920;

Carioca Série B (primeira divisão): 1922 (4 conquistas) (vencedor nas 3 categorias, primeiros, segundos e terceiros quadros, conquistando ainda a posse provisória da Taça Constantino, que veio em definitivo em 1924, após os títulos Estaduais seguidos de 1922, 1923, 1924, sendo o melhor clube carioca, nesse período);

Torneio Início do Estadual (10 conquistas, maior campeão): 1926, 1929, 1930, 1931, 1932, 1942, 1944, 1945, 1948, 1958. (A primeira participação do Vasco em uma competição com as equipes da elite aconteceu no Torneio Início de 1921, não tendo sido o campeão);

Campeonato Carioca (Série A) (24 conquistas): 1923, 1924, 1929, 1934, 1936, 1945, 1947, 1949, 1950, 1952, 1956, 1958, 1970, 1977, 1982, 1987, 1988, 1992, 1993, 1994, 1998, 2003, 2015, 2016;

Taça Guanabara (11 conquistas): 1965, 1976, 1977, 1986, 1987, 1990, 1992, 1994, 1998, 2000, 2003, 2016, 2019;

Taça Rio (11 conquistas, maior campeão): 1984, 1988, 1992, 1993, 1998, 1999, 2001, 2003, 2004, 2017, 2021;

Copa Rio (2 conquistas): 1992, 1993;

Torneio Extra (2 conquistas): 1973/Torneio Erasmo Martins Pedro, 1990/Taça Adolpho Bloch;

Turnos do Estadual com outros nomes (9 conquistas/taças): 1972/Taça José de Albuquerque, 1973/Troféu Pedro Novaes, 1974/Taça Oscar Wright da Silva, 1975/Taça Danilo Leal Carneiro, 1977/Taça Manoel do Nascimento Vargas Neto, 1980/Taça Gustavo de Carvalho, 1981/Taça Ney CIdade Palmeiro, 1988/Taça Brigadeiro Jerônimo Bastos, 1997/Terceiro turno do Estadual;

Campeonato Carioca de Segundos Quadros (2 conquistas): 1924, 1928;

Campeonato Carioca de Amadores/Resistência ao profissionalismo (4 conquistas): 1934, 1936, 1937, 1941;

Campeonato Carioca de Aspirantes/Reservas (11 conquistas): 1942, 1943, 1946, 1947, 1948, 1949, 1960, 1961, 1964, 1966, 1967;

Taça Ventura de Azevedo: 1926;

Festival promovido pelo S. C. Glória: 1926;

Troféu Pregão da Victoria: 1927;

Taça Sarmento de Beires: 1927;

Taça Moacyr Queirós: 1930;

Taça Monroe: 1930, 1931;

Taça Raul Guimarães de Aspirantes: 1966;

Campeão de Terra e Mar (13 conquistas): 1924, 1934, 1936, 1945, 1947, 1949, 1950, 1952, 1956, 1958, 1970, 1982, 1998;

Troféu da Paz: 1937 (posse provisória, após uma vitória de 3 a 1 sobre o América-RJ, em 31/07/1937, origem do termo Clássico da Paz, para o clássico Vasco/América-RJ); 1942 (posse definitiva, após uma vitória de 2 a 1 sobre o América-RJ, em 24/03/1942, em jogo de desempate, após o América-RJ ter empatado a disputa em 05/09/1937);

Taça Pinto Bastos: 1937 (após uma vitória de 3 a 2 do Vasco sobre o América-RJ, em 31/07/1937, ocasião em que o Vasco recebeu também o troféu “Bronze da Vitória” e a posse provisória da Taça da Paz, que foi conquistada, de forma definitiva, em 1942, com outra vitória sobre o América-RJ);

Troféu Bronze da Vitória: 1937 (Vasco 3 x 2 América-RJ, ocasião em que ganhou outros dois troféus, a Taça da Paz, posse provisória, tendo conquistado a posse definitiva em 1942, com outra vitória sobre o América-RJ e a Taça Pinto Bastos).

Conquistas Municipais (8 conquistas, taças):

Torneio Municipal: 1944, 1945, 1946, 1947 (maior campeão) (4 conquistas;

Torneio Relâmpago: 1944, 1946 (maior campeão) (2 conquistas);

Torneio Gérson dos Santos Coelho: 1948;

Taça Cidade de Cabo Frio: 1975.

Futebol feminino

Conquistas internacionais (1 conquista, taça):

Torneio Internacional de Futebol Feminino: 2000.

Conquistas nacionais (4 conquistas, taças):

Campeonato Brasileiro/Taça Brasil (3 conquistas): 1993, 1994, 1998;

Circuito Nacional de Futebol Social: 2013.

Conquistas interestaduais (1 conquista, taça):

1 Campeonato de Cotegipe de Futebol Feminino (BA): 1932.

Conquistas Estaduais (19):

Brasileirão da Baixada: 2018;

Torneio Início do Rio de Janeiro: 1999, 2000;

Campeonato Carioca (8 conquistas): 1996, 1997, 1998, 1999, 2000, 2010, 2012, 2013;

Taça Cidade de Nova Iguaçu (5 conquistas): 2010, 2011, 2013, 2014, 2016;

Copa Lifferj: 2017;

Copa Almirante Adalberto Nunes: 2010;

Torneio do Centro de Educação Física Adalberto Nunes: 2010.

Futebol Juvenil (6 conquistas):

Supercopa do Brasil Sub 20: 2020;

Copa do Brasil Sub 20: 2020;

Taça São Paulo de Futebol Júnior: 1992;

Taça Belo Horizonte de Futebol Júnior (3 conquistas, taças): 1991, 1992, 2013.

Total geral: 222 conquistas/taças, desde a primeira partida de futebol do clube (futebol masculino) no ano de 1916, sendo 105 anos de história, desde o primeiro jogo de futebol disputado pelo clube (time masculino). De 1916 até o ano de 2021 são 222 conquistas no futebol masculino, feminino e contabilizando os principais títulos da categoria juvenil, em 105 anos desde a primeira partida de futebol do clube (time masculino), em 1916, dando uma média de mais de 2 (duas) conquistas/taças por ano.

%d blogueiros gostam disto: